Minha foto
Nome:
Local: Rio de Janeiro, RJ, Brazil

Sou a prima mais velha de uma turma de 32 primas! Gosto de rir e de fazer rir. Adoro conversar, mas principalmente de ouvir. Beber Mate, vinho e Martini. Ver filme aos sabados com os amigos. Sou fiel aos meus sentimentos e respeito os dos outros. E de escrever, é lógico!

segunda-feira, abril 30, 2007

Irritando Tutti


Apoiando minha amiga Engraçadinha resolvi postar coisas que me irritam:
1) Conversas desnecessárias:
Gosto de aproveitar os minutos (e as vezes as horas!) em que passo dentro do trem, do ônibus ou mesmo do metrô para pensar sobre a vida, o que fazer no jantar, um novo tema para meus textos. As vezes rezo ou simplesmente olho a paisagem, observo as pessoas, essas coisas que só faz quem gosta de escrever. Mas as pessoas têm esse péssimo hábito de que, se ficar ao seu lado por 5 minutos já é sua amiga de infância e a partir daí você TEM que ouvir todas as bobagens que ela tem pra falar. Explico: eu tô lá dentro do trem, num desses momentos de devaneio, olhando para o nada, aí vem aquela senhora grisalha e é só meu olho, por um segundo, encontrar o dela, que tá tudo decidido: a partir daquele momento ela pode falar desde a infância dela, passando pelo marido que a espancava, pela filha que engravidou com 14 anos e da dor sem fim que ela sente nas costas e nos pés. Tudo bem, eu também posso ficar assim, mas se ficar, tá todo mundo autorizado a me tacar um pau na cabeça ou me amordaçar. Mas a coisa não pára por aí, pois logo umas 3 ou 4 mulheres que estão segurando a mesmo ferro de segurança desatam a falar, cada uma contando tudo o que há de ruim no mundo, e em suas vidas, e não param mais. Parece o “Festival do Pior”. Os assuntos vão se alternando entre doença, filho adolescente, patroa, sabão em pó, novela, artista, cantor, bicheiro, assaltante, seqüestro. Todas têm as mais diversas opiniões irritantes. Nenhuma sabe muito bem sobre o que está falando Algumas leram alguma coisa nas revistas. Quando o assunto começa a ficar mais filosófico ou inteligente alguém lembra de algo que aconteceu no prédio onde trabalha e a conversa retorna a seu tom “abobrinha”. Os diálogos vão de “mas o Gianeccine é gay, o casamento dele com a Marília Gabriela é só fachada” até “mas minha patroa é muito boa, mas muito pão dura”.
Qualquer dia desses vou apanhar no trem, por que mesmo com essa conversa toda, eu não levanto os olhos do chão e continuo impassível no meio desse falatório.
E fila? Qualquer fila! em qualquer lugar!! Quem determinou que devemos conversar com quem está na fila? NÃO TENHO QUE CONVERSAR!! NÃO QUERO CONVERSAR!! Por que as pessoas não aproveitam esses momentos para lerem um livro, ouvir uma música, pensar sobre uma maneira de melhorar o mundo? Aí fica eu lá, entre duas pessoas que a-do-ram conversar em fila, resolvo então olhar para as árvores, os postes, as formigas na parede, parecendo uma louca, simplesmente por que não quero entrar na euforia deles.
2) Orador:
Minha mãe é uma delas. Ela adora conversar. Até aí tudo bem, eu também gosto. Mas tem lugar e hora. Ela é daquelas que se está fora de casa, TODOS devem ouvir o que ela está falando. Por exemplo, se estamos num elevador, ônibus ou sala de espera, ela começa a falar e a olhar se as pessoas em volta estão escutando o que ela está dizendo. Se ela encontrar um só ouvinte ela já começa seu discurso educacional-político-emocional que não há quem a segure.
3) Passageiro ao lado:
E lá estou toda encolhidinha dentro do ônibus de manhã indo para o trabalho. Já fechei a cortininha pra não entrar sol, já me cobri com o blazer pra não sentir frio. Aí percebo que alguém sentou ao meu lado. Sem querer entre-abro os olhos. Pronto! Grande erro! O passageiro ao lado desanda a falar. Não entendo essas pessoas que já acordam ligados no 220. Eu demoro a manhã inteira pra ficar ligada, mas esse povo já levanta da cama energizado. Só pra me irritar! E nem adianta eu bocejar, cochilar, fingir que não escutei, repetir mil vezes “Hãn?” que a pessoa não se manca. Eu até tento imaginar onde fica o botão “On/Off” dessa gente, ir até lá apertar e ver se eles me deixam dormir em paz!!
4) outras irritações:
gente que fala dentro do cinema durante o filme;
que usam o celular na van e falam toda sua intimidade;
telefone que toca na hora em que entro no Box;
leite que derrama no mínimo momento em que pisco os olhos;

entrar no banho e descobrir que acabou o sabonete;

o programa Irritando Fernanda Yang

6 Comentários:

Anonymous Anônimo disse...

caramba se for postar as coisas que me irritam, não acabo mais, mas o principal é falta de educação, a gentileza dos seres humanos, algo raro de vermos hoje em dia, o povo anda muito egoísta, muito "cada um por si e o resto que se vire", solidariedade, educação, gentileza, tá raro hoje em dia.

quarta-feira, maio 02, 2007 2:52:00 PM  
Blogger Patricia disse...

Hehehe, Tutti, honey, esse post foi demais! Caiu como uma luva! Detesto papo dentro de transporte público! Mesmo que eu esteja com uma pessoa conhecida do lado! Parece loucura, mas eu adoro "viajar" durante as intermináveis viagens casa-trabalho-casa. Mas eu já nasci irritada, temos que dar um desconto! ;o)

quarta-feira, maio 02, 2007 9:12:00 PM  
Anonymous Engraçadinha disse...

Pára tudo!!
Vc falou q o programa da Fernanda te irrita??
Agora fiquei puta!!
E aquelas pessoas q te acordam no ônibus, achando q vc passou do ponto?!
Já fui vítima desses ebós durante alguns anos da minha vida...

quinta-feira, maio 03, 2007 10:08:00 AM  
Anonymous Giselle Tucci disse...

Simplesmente A-M-E-I !! Odeio as mesmas coisas e muito mais...hahaha o da minha avó foi a melhor, ri muito, ela é mesmo assim, igualzinha... e o pior que igual a ela tem milhões!!!! E qdo eu tô no avião, chegando de um vôo MEGA cansativo e o passageiro do lado começa a perguntar sobre a profissão, qtos dias eu trabalho na semana, como é a escala, quais os lugares que eu conheço, se dá para ser casada voando tanto, se tem namoro entre os colegas de trabalho e até qto eu ganho...AFFFFFF !!!! ODEIO!!! Beijossssssssssssss

segunda-feira, maio 07, 2007 2:53:00 PM  
Anonymous Lula disse...

Hahahahaahahaha!!!!!
Muito boa!!!!!!
E quando você puxa o assunto?
Já parou pra pensar?
kkkkkkkk

sexta-feira, maio 11, 2007 5:54:00 PM  
Blogger Engraçadinha disse...

Esse post continua atualíssimo!

quinta-feira, novembro 10, 2011 1:16:00 PM  

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial


Created by Crazyprofile.com